A espuma dos dias – Boris Vian

Eu ainda não separei os livros que eu vou ler esse ano para o desafio livrada, mas assim que eu terminei de ler A espuma dos dias eu pensei que com toda certeza já cumpri a categoria de livro maluco.

Tudo bem, sei que muitas vezes a gente acaba falando essa frase, mas dessa vez eu tenho certeza que você nunca leu nada parecido com esse livro.

A espuma dos dias é um livro cheio de situações absurdas e surreais. O livro começa com um clima muito gostoso, muito animado e divertido. A gente acompanha 6 amigos que são jovens e muito cheios de vida.

O livro começa contando a história do Colin, que é um cara que tem muito dinheiro, por motivos desconhecidos, e que não precisa trabalhar. Ele é muito amigo do Chick, que é um cara mais quebrado e que além de não ter dinheiro, acaba gastando tudo o que ganha em livros do autor preferido (quem nunca?). E também conhecemos o Nicolas, que é o cozinheiro do Colin.

Desde o primeiro momento o livro é muito surreal. O Nicolas faz uns pratos muito estranhos, como peixes que ele encontra no ralo da pia e outros ingredientes um tanto bizarros, e todos amam as comidas. O Colin tem uma casa cheia de coisas absurdas, como um piano em que cada nota que você toca, adiciona um ingrediente diferente no drink. Então dependendo da melodia que você escolher, vai ter no final uma bebida que combine com a musica. Por mais estranha que alguma coisa seja, dentro do contexto do livro faz muito sentido.

Mas apesar de ter muito dinheiro, luxo, boa comida e se divertir muito, o Colin se sente um tanto sozinho e sempre comenta com os amigos que o que ele realmente queria era viver um grande amor.

Aos poucos a vida desses três amigos se cruzam com mais três personagens, que são a Chloé, a Isis e a Alise. E quando o Colin conhece a Chloé ele finalmente consegue viver o amor que ele tanto queria.

A primeira parte do livro é muito bonita. Foi bem difícil parar de sorrir enquanto eu lia sobre as festas, os passeios e toda a rotina desses amigos. Mas lá pela metade do livro a gente descobre que a Chloé tem uma doença bem grave e bem surreal e poética, como tudo no livro, nasce uma flor no pulmão dela e isso afeta a vida de todos os personagens. Aos poucos o livro sai daquele clima gostoso e feliz e vai ficando cada vez mais escuro e triste.

No começo do livro as cenas são muito coloridas, muito alegres, cheias de musicas. Tem até algumas cenas muito bonitas, como no primeiro passeio do Colin e da Chloé em que eles passeiam em uma nuvenzinha, porque eles estão apaixonados então se sentem meio leves e voando sempre que estão juntos. Mas aos poucos o livro perde todo essa cor e alegria, a casa do Colin deixa de ser um abiente divertido e vai se deteriorando, ficando cada vez menor, as janelas vão sumindo, os móveis estragando e tudo combina muito com os sentimentos dos personagens.

O livro é muito intenso, eu me apeguei bastante a todos os personagens. Eu realmente me divertia junto com eles no começo e fiquei pesada no final. Esse é um daqueles livros curtinhos, mas muito fortes.

Apesar do livro se focar bastante na história do Colin e da Chloé, uma das coisas que mais me marcou foi a amizade intensa entre todos os personagens. A gente sempre consegue sentir todo o carinho que existe entre eles e é muito gostoso sempre que eles se encontram, mesmo que o momento não seja muito feliz. Sempre que eles se reencontravam eu me sentia aconchegada e acolhida.

Uma coisa que eu achei muito divertida é que o Chick é viciado em um autor que no livro aparece como Jean-Soul Patre. Ele coleciona tudo o que Patre escreve ou toca. Além do Patre, eles falam varias vezes também sobre uma Duquesa, a Duquesa de  Bovouard.É lógico que quando você lê esses nomes fica bem clara qual foi a referência, e ai no final do livro tem uma nota sobre o autor e o Boris realmente foi amigo do Satre e da Simone de Beauvoir. Ficou muito divertida essa brincadeira com os nomes e as obras deles.

Esse livro tem uma adaptação para o cinema, mas eu só assisti alguns pedaços, mas sei que tem na Netflix. Eu acho que esse livro tem um clima bem parecido com O fabuloso destino de Amélie Poulain, vulgo um dos meus filmes preferidos da vida. Os dois tem uma sensação gostosa e situações um tanto absurdas, mas A espuma dos dias é bem mais melancólico e o surreal realmente faz parte do cotidiano dos personagens. Eu sei que os dois filmes são com a Audrey Tautou, e eu acho que ela combina muito com as duas personagens (em A espuma dos dias ela representa a Chloé), mas não sei se um filme consegue representar toda a sensibilidade que o livro passa, mas eu tô bem curiosa para assistir o filme.

Eu sinto que escrevi um monte de coisa e ainda não transmiti tudo o que eu penso sobre esse livro. Eu gostei demais da leitura, da estrutura do livro e eu me apeguei muito aos personagens. Fiquei feliz mesmo por ter lido esse livro. É uma pena que seja tão difícil de encontrar ele, ainda mais agora com o fim da Cosac. Eu realmente torço para que ele seja publicado logo por outra editora. E eu também fiquei bem curiosa e quero conhecer mais obras desse autor. Espero que seja sempre nesse universo meio mágico e absurdo.

A espuma dos dias foi publicado pela Cosac Naify e são 256 páginas de muito surrealismo e amizade.

Anúncios

2 comentários sobre “A espuma dos dias – Boris Vian

  1. Nunca tive vontade de ler esse livro… até agora 😉 Gosto de histórias assim, que tem essa quebrada brusca no clima… e se falou que tem coisa absurda no meio, aí mesmo foi feito pra mim rsr Adorei!

    Curtir

    1. Eu tinha muita curiosidade pq gostava da capa ahahha esses motivos ótimos né? Mas eu gostei muito desse livro. Eu já tinha visto um vídeo bem antigo da Gisele falando sobre esse livro, mas não lembrava direito o que ela tinha falado. Acabei me surpreendendo com toda a maluquice.
      Tô torcendo demais pra ele ser adotado logo por outra editora haha

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s